Não digas, meu bem, que irás voltar se nem ao menos sabes se irás comparecer.
Não digas, meu bem, que a vida lhe mal te querer se nem ao menos a conhece.
Não digas, meu bem, que tudo dará errado se nem ao menos sabe o resultado.
Não digas, meu bem, “meu bem” para quem nenhum bem lhe faz.
Não digas, meu bem, que tudo lhe aflinge quando jamais tentaste mudar.
Não digas, meu bem, que nada irá mudar antes te tentar.
A vida lá fora vai muito além do que podemos imaginar e nada lhe fará diminuir a não ser você mesmo.
A vida lá fora lhe obriga a correr sobre as próprias pernas pois ninguém fará isso por você.
A vida lá fora te ignora se não for capaz de o melhor.
Busque dentro de você a resposta para algo maior.

Xis!

Anúncios

About manugraff

Dois amantes desafiando a eternidade.
Esta entrada foi publicada em Sem categoria e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s